Colunistas João Wellington Lehnen

Futebol em Destaque 04.10.2019

DUPLA GRE-NAL – O treinador do Grêmio, Renato Portalluppi, visando à disputa da semifinal da Libertadores da América, contra o Flamengo, optou por escalar uma equipe reserva no último domingo, no jogo diante do Fluminense, no Estádio Maracanã, no Rio de Janeiro, resultando numa derrota pelo placar de 2 a 1.

Em relação à implantação do VAR, que tem por objetivo de solucionar um problema, tem se tornado um problema. Por quê? Simples, muitos dirigentes que há anos cobravam da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), a implantação do VAR, para que se fizesse justiça nos resultados dos jogos, mas, o que estamos vendo são erros grotescos, com as equipes sendo prejudicadas em algumas vezes e beneficiadas de outras, com constantes reclamações de dirigentes e treinadores. É importante observar, que em muitos lances a questão é “interpretativa” por parte dos árbitros, o que alguns casos a utilização do VAR torna o resultado justo e outros o resultado cruel. Parece que as direções e jogadores dos clubes brasileiros ainda não estão preparados para assimilar a importância do VAR na justiça dos resultados das partidas. Alguns são da opinião de que o VAR tirou o brilho do futebol. Será?

No Internacional aparentemente parece ter iniciada uma crise entre o treinador e o torcedor. A equipe tem deixado a torcida inquieta, que chegou a vaiar o treinado Odair Helmann, no último domingo, no final do jogo contra o Palmeiras, em ocorreu um empate pelo placar de 1 a 1. Ocasião em que à equipe de Internacional realizou um primeiro tempo, porém caiu de produção e cedeu o empate a equipe paulista. 

A decisão da direção em manter o técnico Odair Helmann até o final do ano está correta, apesar das poucas possibilidades de que venha conquistar o título do Campeonato Brasileiro, pois o Inter está com 12 pontos atrás do Flamengo, que lidera a competição. Creio que só título do Brasileirão pode salvar o pescoço do Odair Helmann.

OURO VERDE – Creio que leitores da coluna, em algumas oportunidades podem questionar a veracidade, sobre o que ocorre nos treinos dos veteranos do Esporte Clube Ouro Verde. Podem acreditar, pois os treinos dos veteranos do Ouro Verde tem sido uma boa opção, principalmente para as pessoas que desejam praticar um esporte e confraternizar. Os treinos são realizados nos finais das tardes das quartas-feiras e nos sábados pela parte da tarde. Desde o ano de 2004, quando retornei para Palmeira das Missões comecei a participar dos treinos dos veteranos do Ouro Verde, o que tem garantido a manutenção do clube. É claro que gostaríamos que o Ouro Verde estivesse em atividade plena, inclusive disputando campeonatos estaduais, mas, isto poderia acarretar o endividamento do clube. A principal conquista do clube nos últimos, foi a tão sonhada iluminação do campo, totalmente quitada, o que faz com que os atletas possam praticar o futebol pela parte da noite. Isto se deve a direção e aos associados do clube. 

O último treino foi vencido pela equipe Canarinho pelo placar de 5 a 4, a segunda vitória sobre a Periquito, sendo a segunda consecutiva, contra o time da panela do presidente e do vice-presidente, que vem levando “azar”. Em relação aos bolas murchas do sábado, foram eleitos: Alexandre 1001 (pelo gol perdido) e este colunista pela “infelicidade”, numa cobrança de escanteio, a bola bateu em meu peito e acabou entrando na meta da equipe pela qual eu atuava, ou seja, “gol contra”. No mais, o tradicional choro e as reclamações do atleta Pato, que fez com que a direção tomasse a iniciativa de implantar o VAR (foto abaixo). Esta medida, provavelmente faça com que se encerrem as reclamações quanto à arbitragem. Uma ótima ideia, brincadeira esta aceita por todos.

Em tom de Brincadeira, Ouro Verde inaugura seu VAR antes do treino do último sábado.

AVP PALMEIRA FUTEBOL 11 – Segundo informações de Carlos Lauxen, a equipe da AVP Palmeira Futebol 11, conquistou no último sábado, no Estádio Luciano Ferreira Martins, em Palmeira das Missões, uma importante vitória sobre o Náutico de Panambi, pelo placar de 2 a 0. Os gols da equipe AVP foram assinalados por Carlos Lauxen e Vinícius (Galinho). No próximo sábado, a AVP Palmeira Futebol 11, jogará na cidade de Panambi, contra a famosa equipe Tabajara do Casseta & Planeta, da cidade de Tapejara. 

 

HOMENAGEM DA SEMANA

Nossa homenagem da semana ao amigo José Carlos da Silva (Pato), associado do Ouro Verde que nessa foto se identificou como STALLONE COBRA.