Esportes

Contra o São Paulo, Michel tem chance de retomar espaço no Grêmio de olho em decisões

Por GloboEsporte.com — Porto Alegre

Contra o São Paulo, Michel tem chance de retomar espaço no Grêmio de olho em decisõesContra o São Paulo, Michel tem chance de retomar espaço no Grêmio de olho em decisões

Lucas Uebel/Divulgação
 

O volante deve voltar a iniciar uma partida pelo Tricolor após mais de dois meses. A última vez ocorreu em 12 de junho, na vitória por 1 a 0 sobre o Botafogo, no Nilton Santos, pela 9ª rodada do Brasileirão.

O longo período afastado do time titular se deve a uma lesão no joelho esquerdo. Michel passou por cirurgia no local ainda em junho e só voltou a atuar no último sábado, quando entrou em campo na vitória por 2 a 1 sobre o Athletico-PR.

 

Michel Grêmio — Foto: Lucas Uebel/Grêmio DivulgaçãoMichel Grêmio — Foto: Lucas Uebel/Grêmio Divulgação

Michel Grêmio — Foto: Lucas Uebel/Grêmio Divulgação

Desfalques abrem brecha para vaga em decisões

Titular no tri da Libertadores e melhor volante do Brasileirão em 2017, Michel vê no duelo contra o São Paulo a chance de retomar espaço na equipe titular contra o Athletico-PR, na próxima quarta-feira, às 19h, na Arena da Baixada pelo jogo da volta das semifinal da Copa do Brasil. E graças a desfalques e indefinições.

Os duelos com o Flamengo pela semifinal estão marcados apenas para outubro. Mas Romulo, que também é opção para o setor, não poderá atuar, por pertencer ao Rubro-Negro. O clube carioca o emprestou ao Grêmio no início do ano.

 

Michel pode ganhar chance como titular contra o São Paulo — Foto: Lucas Uebel/Grêmio/DivulgaçãoMichel pode ganhar chance como titular contra o São Paulo — Foto: Lucas Uebel/Grêmio/Divulgação

Michel pode ganhar chance como titular contra o São Paulo — Foto: Lucas Uebel/Grêmio/Divulgação

Chance também para espantar sina de lesões

A partida contra o São Paulo também é o primeiro passo para Michel encerrar de vez uma sina de lesões que o persegue desde 2017. O volante havia passado por cirurgia semelhante em setembro daquele ano, à época com o Grêmio envolto nas semifinais da Libertadores.

Ele voltou aos gramados dentro de um mês, ainda a tempo de participar das duas partidas contra o Barcelona-EQU e também da final, contra o Lanús, em que o Tricolor sagrou-se campeão. O estaleiro do volante ainda recorre a 2018.

Em maio do ano passado, ele teve um problema muscular que o deixou afastado por mais de três meses. Quando se preparava para voltar a atuar, em setembro, torceu o tornozelo direito em jogo do time de transição e parou por mais um tempo. Por todas estas questões, somou apenas 22 partidas oficiais.

 
 

Michel, com Renato em 2017 — Foto: Lucas Uebel/GrêmioMichel, com Renato em 2017 — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Michel, com Renato em 2017 — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Vale ressaltar: A presença de Michel em campo contra o São Paulo é incerta. Renato ainda não definiu a equipe para o duelo no Morumbi

– A escalação não vou dar. Mas como falei, é um grupo forte. Quando é chamado, precisa dar uma resposta a altura,. se capacitar o máximo nos treinamentos. Todos que têm entrado, têm representado bem – diz o goleiro Julio Cesar.

Renato Gaúcho comanda o último treino com seu elenco na manhã desta sexta-feira, no CT Joaquim Grava, do Corinthians. Grêmio e São Paulo se enfrentam às 11h deste sábado, no Morumbi, pela 17ª rodada do Brasileirão.

Fonte: Globo Esporte